A deliciosa gíria mineira


Retirado de Luis Nassif Onlinecom modificações

-x-x-x-x-x-x-x-

Tá mais furado do que peneira zoada lá da roça…

Mais por fora que umbigo de vedete.

Mais por fora que dedão de franciscano.

Quem dorme com porco espinho amanhece espetado.

Mais por baixo que barriga de jacaré…

Dos tempos de Virgínia Lane.

“Eu sou o coelhinho da Philips,
E a minha gurizada vou agradar
Contar minhas histórias, tim, tim por tim, tim,
Porque eu sou o coelhinho da gurizada, enfim! ”

Em festa de jacu inhambu não entra.

Merenda de menino não atravessa córrego.

Quem truca em ás não mata

Quem fala demais, dá bom dia a cavalo.

Homem que chora e mulher que jura é mentira pura

Não me olha de banda que eu não sou quitanda

Não me olha de lado que eu não sou quiabo

Tem base? (tradução: pode uma coisa dessas?)

Calça pega-frango

Cata-jeca (ônibus de roça)

Cata-jóia (ônibus que leva as adolescentes pra escola)

Parei cocê, uai! (tradução: desisto!)

Minina da pá-virada (tradução: menina levada)

Tope = degrau

Chaula = pá

rabiinha = vasilha pequena de ferver água ou fazer mingau, que tem um bico lateral

Em festa de pombo, urubu não entra.

Mais por fora que asa de xícara.

Mais por dentro que talo de aipim (com variações para pavio de vela).

Galo onde canta, aí janta.

Quem com porcos se mistura, farelo come.

Cachorro de vexado nasceu com olhos fechados.

Passarinho que muito canta caga no ninho.

Como viúva nova e madeira verde: chora, chora mas pega fogo.

Vá procurar o rodilha onde você quebrou o pote

Em rio que tem piranha, jacaré nada de costas.

Quem já se queimou com leite, vê uma vaca e chora.

Todo mundo quer ir pro céu, mas ninguém quer morrer.

Mais grosso que dedão destroncado

Oncotô? Pocovô? (Tradução: o mineiro perdido pergunta: onde eu estou? Para onde eu vou?)

Prá quem tá pirdido, triii de porco é rodovia sô!

Galinha que acompanha pato morre afogada!!!

Não tem erro, com ele cada enxadada é uma minhoca!”

“Pipocas – Dicionário quase etimológico do Gerais – Para “Estrangeiros” – Entremeado por diversos circunlóquios que fazem algum sentido” (1ª ed., Belo Horizonte, Edição do Autor, 2009). O autor João Victor Faria Velloso, escritor e poeta premiado, é sobrinho neto de Clemente Faria e o pai dele Reynaldo
Velloso foi professor e diretor do Ginásio Pedra Azul e provavelmente colega e diretor do Sebastião Nery, quando o cabeção, como ele era conhecido naquelas
bandas deu aula no GPA em Pedra Azul. Para quem quer saber mais das Minas Gerais vale à pena comprar o dicionário e vale também para quem quer conhecer melhor a nossa língua pátria. E quem não tem interesse em nada disso e que mais é se divertir a minha indicação ainda fica de pé.

“Rente que nem pão quente
com essa provovação
em palpos de aranha
fulano deixa a gente”

Frango de manguara não tem preço.

Dinheiro e santidade é a metade da metade.

Depois de morto é que se conhece o porco.

Mais por fora que barbante de embrulho.

Sol e chuva, casamento da viúva.

A farinha é pouca, meu pirão primeiro.

Jogou o sapo n´água.

Tirar o pé do lodo

Água que boi não bebe.

E uma tirada do livro de folclore da Alice Meireb sobre a cachaça. Escrito num botequim: ” Entrou, pediu, bebeu, cuspiu, tropeçou, caiu, levantou, sumiu.”

Levas, erradas e mil!

Quero tudo e não dou nada!

E vai assombrar porco!

Se grito adiantasse, o porco não morria.

Tem gente que gosta dos olhos, tem gente que gosta da remela.

Cada um como fezu fezu = Cada um como Deus o fez

Mais por fora do que arco de balaio

Cachorro mordido de cobra tem medo de linguiçaSe são mineiras, não tenho a mínima idéia…..

Se deitares com um cão, vais acordar com pulgas.

Jabuti não sobe em árvore.

Mais por fora que semente de caju.

Nossa Senhora! = Nó Senhó! = Nossa! = Noss! = Nó! = Núuuu!!!

Pra quem tá se afogando, jacaré é tronco!

Sapassado, era setsetembro, taveu na cuzinha tomanu pincumel e cuzinhando um kidicarne com mastumate pra fazê um macarronada com galinhassada. Quascaí de susto, quandoví um barúi vinde dendoforno, parecenum tidiguerra. A receita mandopô midipipoca denda galinha prassá. O forno isquentô, o mii misturô e o fiofó da galinha ispludiu!

Nossinhora!

Fiquei branco quinein um lidileite.

Foi um trem doidimais!

Quascaí dendapia!

Fiquei sensabê doncovim, proncovô, oncotô.

Oiprocevê quilucura!

Grazadeus ninguém simaxucô!

Bom demais da conta.

“Os filhos de minhas filhas, meus netos sempre serão; mas, os filhos de meus filhos não posso garantir que são”

Avó materna e de “Paroquena”!

To discuncha vida (desanimada);

Sem cancha (sem graça);

Escreveu não leu, o pau comeu (se não fizer direito, tem castigo);

Abre seu olho comigo! (toma cuidado comigo);

Inreda o soli (sai do sol);

Deixa de brinquedo! (fala sério!);

Falou de supetão; (falar sem pensar)…

Antes vermelho por um minuto que amarelo a vida toda

Mais curto que coice de porco.

Mais comprido que bombacha de gringo

Mulher, cachaça e bolacha em qualquer lugar se acha!

Garrucha que não presta assusta dois.

Quem planta ventos, colhe tempestades.

Tá tapando o sol com a peneira.

Dormir no chão é melhor que cair da cama.

Nóis reóine, reóine, mas não concrói nada.

Canarin qui cumpanha jãodibarro vira servente de pedrêro

Cê tá mais por fora do que orêia de gamela!

Tá mais furado do que peneira zoada lá da roça…

Mais por fora que umbigo de vedete.

Mais por fora que dedão de franciscano.

Quem dorme com porco espinho amanhece espetado.

Mais por baixo que barriga de jacaré…

Dos tempos de Virgínia Lane.

Em festa de jacu inhambu não entra.

Merenda de menino não atravessa córrego.

Quem truca em ás não mata

Quem fala demais, dá bom dia a cavalo.

Não me olha de banda que eu não sou quitanda

Não me olha de lado que eu não sou quiabo

Parei cocê, uai! (tradução: desisto!)

Minina da pá-virada (tradução: menina levada)

Tope = degrau

Chaula = pá

rabiinha = vasilha pequena de ferver água ou fazer mingau, que tem um bico lateral

Em festa de pombo, urubu não entra.

Mais por fora que asa de xícara.

Mais por dentro que talo de aipim (com variações para pavio de vela).

Galo onde canta, aí janta.

Quem com porcos se mistura, farelo come.

Cachorro de vexado nasceu com olhos fechados.

Passarinho que muito canta caga no ninho.

Como viúva nova e madeira verde: chora, chora mas pega fogo.

Vá procurar o rodilha onde você quebrou o pote

Em rio que tem piranha, jacaré nada de costas.

Todo mundo quer ir pro céu, mas ninguém quer morrer.

Mais grosso que dedão destroncado

Oncotô? Pocovô? (Tradução: o mineiro perdido pergunta: onde eu estou? Para onde eu vou?)

Prá quem tá pirdido, triii de porco é rodovia sô!

Galinha que acompanha pato morre afogada!!!

Não tem erro, com ele cada enxadada é uma minhoca!”
Tô mais quebrado que janela de grupo

“O amante ideal de fino tato,
É o que, na mágoa ou no prazer,
Nunca se mostra o que é, de fato,
Mas sim o que devera ser.”
(Martins Fontes, Vulcão, p. 24.)

Andorinha que acompanha morcego acorda de cabeça para baixo.

Ah! Pur aqui si o cabôco é mei macii, pode falá qui ele istaciona a marreca na contra-mão ou qui ele bilisca azulejo.

Avô rico, filho nobre, neto pobre.

Falar, vai dos queixos

Pelo andar da carruagem a gente sabe quem vem dentro

Gato escaldado tem medo de água fria

Godero disse que eu goderasse, gastasse o seu e o meu guardasse

Coitado, é filho de rato que nasce pelado

Mais perfumado que mão de barbeiro

Mais enfeitado que jegue na lavagem do Bonfim

Mais arrumado que penteadeira de mulher-dama

Mais cheirosa que cangote de mulher-dama

Mais perdido do que cego em tiroteio

Anúncios

5 comentários em “A deliciosa gíria mineira

  1. Gostei dos dizeres é isso ai temos que dar valor a nossa terra BRASIL.
    Estamos inaugurando o botiquim Linguiça em Vitória, vamos oferecer a famoso pão com linguiça artesanal entre outras linguiças artesanais o botiquim será todo decora na temática mineira, quando vierem a Vitória é só aparece localisado a Rua Carlos Gomes Lucas Jd. Camburi.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s